Como medir a produtividade da sua equipe

Medir a produtividade de uma equipe é uma tarefa complexa para os gestores. Afinal, é necessário encontrar alternativas para verificar com exatidão como os funcionários estão executando atividades.

Quando uma empresa dimensiona o que é feito pelos empregados, tem mais condições de identificar erros e de pensar em soluções para melhorar a qualidade dos serviços. Isso apenas pode ser feito por meio de uma gestão que prioriza cinco ações: planejamento, acompanhamento das atividades, motivação da equipe, engajamento e foco na evolução contínua.

Essas iniciativas proporcionam uma performance qualificada, se a organização tiver capacidade de avaliar o nível de produção da equipe. Neste artigo, vamos mostrar como é possível mensurar o desempenho com eficiência. Confira!

Trabalhe com metas para o time

Mesmo que os colaboradores sejam aplicados e competentes, é necessário indicar aonde a organização pretende chegar. Uma boa maneira de fazer isso é por meio de metas, que precisam apontar os resultados desejados e o tempo disponível para alcançá-las.

É fundamental que os empregados tenham consciência dos rumos adotados pela corporação. Assim, fica mais fácil para o gestor orientar a equipe e ajudar os funcionários a terem uma performance diferenciada.

Estabelecer metas claras e viáveis de serem concretizadas é uma iniciativa inteligente para aumentar a produtividade e motivar os colaboradores.  

Use critérios de fácil mensuração

Medir a produtividade do time de maneira adequada não é algo simples de ser feito. Por outro lado, essa tarefa pode ser devidamente executada, caso sejam usadas métricas que possam ser avaliadas, por exemplo:

- tempo médio para resolver as demandas;

- número de tarefas executadas ao longo do dia;

- quantidade de metas alcançadas em determinado período;

- e nível de complexidade das atividades concluídas.

Contudo, olhar a produtividade apenas no quesito quantitativo é um erro que deve ser evitado. Afinal, a qualidade dos serviços é um aspecto que influencia na conquista dos clientes e no fortalecimento da marca.

Também é recomendado levar em consideração os custos envolvidos na realização das atividades. Isso porque as empresas priorizam ter resultados expressivos com menos despesas.

Elabore relatórios para medir a produtividade

Uma ação interessante para analisar o rendimento da equipe é fazer relatórios individuais que mostrem a performance de cada colaborador durante uma fase do ano.

Imagine que um gestor faça esse tipo de documento semestralmente. Dessa forma, ele terá mais possibilidades de contribuir para a melhoria do desempenho do funcionário, apontando os aspectos que prejudicam o andamento dos serviços.

Por exemplo, o gestor percebe que o colaborador passa muito tempo ao telefone para negociar com os clientes. Nesse caso, o ideal é procurar meios de melhorar a argumentação e de resolver as demandas com mais agilidade.  

O relatório também é importante para indicar as capacitações que cada funcionário necessita para alcançar um rendimento de alto nível. E serve para indicar as características pessoais que podem ser aprimoradas (relacionamento interpessoal, dificuldade de concentração, entre outras).

Com certeza, medir a produtividade da equipe é primordial para os colaboradores buscarem a melhoria contínua, e os gestores terem mais condições de liderar o time com inteligência e eficiência.

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard