Entenda como praticar o marketing pessoal no LinkedIn

O LinkedIn é a principal rede social para os que buscam um novo emprego ou querem entrar no mercado de trabalho. O bom uso dessa rede pode garantir muitas ofertas e reconhecimento profissional de forma rápida.

Nesse artigo, traremos algumas dicas de marketing pessoal no LinkedIn para você aumentar o seu nível de empregabilidade. Confira!

  

Destaque suas qualidades

Antes de listar seus empregos anteriores, use o espaço para mostrar suas principais qualidades. Não cite cargos ou empresas, dê detalhes sobre suas paixões e os diferenciais que você levou para seu trabalho, por exemplo: “ajudei a realizar projetos que contribuíram para reduzir custos da empresa”, “não paro até conseguir resultados”.

Depois desses detalhes, faça a listagem dos empregos antigos em ordem cronológica e procure sempre produzir também a versão em inglês ou em outro idioma, dependendo do cargo e localização do trabalho que deseja.

 

Esteja presente na rede social

O LinkedIn é uma rede focada em trabalho. Por isso, não traz muitos dos atrativos de redes como Facebook ou Instagram.

Mas é preciso lembrar que, para garantir o sucesso profissional, é necessário focar no marketing pessoal no LinkedIn. Se você não tem nada para postar, é sinal de que precisa atualizar seu currículo e participar de mais cursos.

Outra forma de manter a rede ativa é compartilhando artigos e materiais originais, sempre adicionando suas experiências ao material publicado. Evite compartilhar materiais polêmicos ou de cunho político.

 

Escolha uma boa foto

É muito importante causar uma boa impressão no recrutador, quando ele analisa, pela primeira vez, o perfil de um profissional no LinkedIn. Por causa disso, uma foto adequada faz toda a diferença.

Procure escolher uma foto em um ambiente profissional, com o dress code adequado (não vale foto de bermuda ou sem camisa). Evite poses muito chamativas ou fotos com copos ou comida na mão, mesmo que elas tenham sido tiradas em ambientes corporativos.

 

Não coloque na descrição que está sem emprego

As empresas dificilmente procuram por profissionais que estão em transição de carreira ou que estão disponíveis no mercado.

Na descrição, informe seu último trabalho, mesmo que não esteja mais nele, mas deixe registrado quando entrou e saiu da empresa.

 

Use as regras cruciais para o sucesso

Nunca revele tudo o que você sabe. Ao escrever sobre suas experiências anteriores, não entregue a receita secreta.

Mencione os bons resultados que obteve sem mencionar os detalhes do processo, deixe os recrutadores curiosos para saber que ações levaram ao resultado positivo. 

Essas são algumas dicas para te ajudar a criar um bom marketing pessoal no LinkedIn e a conseguir o emprego dos sonhos. Mas se você é da área de Tecnologia da Informação (TI) e quer aumentar ainda mais as suas chances de sucesso, leia o artigo sobre Como os profissionais de TI podem usar o LinkedIn. Afinal, o conhecimento é peça-chave para a melhoria contínua!

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard