Inclusão digital para idosos: benefícios e cuidados com o acesso à internet

A internet está presente na rotina da maioria das pessoas em todos os lugares do mundo. Os que não se adaptam aos recursos digitais acabam sendo, de certa forma, excluídos da sociedade contemporânea.

Por isso, as pessoas da terceira idade estão buscando se habituar cada vez mais às novas tecnologias, tanto no uso das redes sociais quanto em conhecimentos básicos de informática.

O interesse dos idosos em estarem conectados com as novidades do mundo digital tem aumentado ano a ano.

De acordo com a pesquisa do Centro Regional de Estudo para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br), a porcentagem de pessoas na terceira idade que usam internet cresceu de 8% para 19%, de 2012 a 2016.

A inclusão digital tem proporcionado uma série de benefícios para os idosos, por exemplo:

- melhorar a qualidade de vida;

- contribuir para a inclusão social;

- possibilitar um maior contato com a família;

- ver os filhos, netos e amigos com mais frequência;

- manter a mente ativa;

- e oferecer diversão.

 

Cuidados

É necessário ter cuidado com as ameaças nos ambientes virtuais. Como não possuem conhecimento dos métodos de crimes cibernéticos, os idosos, em alguns casos, acabam se tornando vulneráveis a golpes.

Por isso, é importante seguir algumas dicas para navegar na internet com mais segurança:

- evitar compartilhar dados que podem causar problemas pessoais e financeiros na web (número da conta corrente, senhas de serviços on-line, etc.)

- ter cuidado com links (desconfie ao receber qualquer informação estranha, não clique em links que recebeu de pessoas desconhecidas);

- preservar a privacidade (não poste todas as suas fotos e evite postagens que indiquem onde você mora).

 

Exemplo de inclusão digital para idosos

Atualmente, existem ações voltadas para a inclusão digital de idosos com bons resultados. Um exemplo é o do Programa Navegando na Internet na Melhor Idade, realizado pelo Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo (Prodest) em parceria com a Secretaria de Estado e Gestão de Recursos Humanos (Seger).

O objetivo é promover gratuitamente o acesso às potencialidades da Internet às pessoas da terceira idade. Criado em 2001, a iniciativa já beneficiou mais de 4 mil pessoas.

Sem dúvida, investir na inclusão digital para idosos é uma forma de fortalecer a cidadania e de promover mais qualidade de vida. 

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard