28/12/2017 14h08 - Atualizado em 28/12/2017 17h48

Migração de dados de patrimônio e almoxarifado da Sedu para o Siga é finalizada pelo Prodest

O Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo (Prodest) concluiu a migração de dados de patrimônio e almoxarifado da Secretaria de Estado de Educação (Sedu) para o Sistema Integrado de Gestão Administrativa (Siga).

Anteriormente, as informações estavam acessíveis no sistema chamado Ágora. Os dados são relativos a bens de consumo (produtos de limpeza, alimentos, entre outros) e a bens permanentes (móveis, computadores e veículos, por exemplo).

Os trabalhos de migração começaram no segundo semestre deste ano e contaram com a colaboração da Secretaria de Estado de Gestão e Recursos Humanos (Seger). Além disso, englobaram a extração de informações do mainframe (equipamento onde o Ágora estava hospedado) e a geração de planilhas para migração, validação e importação para o Siga.

O presidente do Prodest, Paulo Henrique Rabelo Coutinho, destaca que a migração permite o desligamento do mainframe no Data Center do Estado, que fica na autarquia, gerando economia de custos com energia e manutenção.

“Com a retirada do mainframe, vamos aproveitar o espaço disponível para utilizar equipamentos mais modernos. Com o Siga, a Sedu vai aperfeiçoar a gestão do patrimônio e terá mais facilidade de elaborar os relatórios padrões para a prestação de contas. Um dos motivos é que todas as unidades do órgão terão acesso ao sistema por meio de um único browser”, explicou Coutinho.    

Informações à Imprensa:

Eric Lopes Menequini / Prodest

(27) 3636-7173

comunicacao@prodest.es.gov.br

 

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard